Publicador de conteúdo web Publicador de conteúdo web

Detalhe do Depoimento

 

02-05-2016

 

Meu Nome Eliane Carrão, 47 anos, professora e meu esposo Ernani Peixoto, 56 anos, servente. Nossa família foi formada por meio da adoção em 2007, por meio de busca ativa. Nossos filhos são um casal, irmãos biológicos.

A menina Sabrina, na época com 1ano e o menino Leonardo com 2 anos e 6 meses. (atualmente estão com 9 e 10 anos)

Foi uma busca ativa, pois na época não havia pretendentes para eles, talvez pelo fato de serem negros, e a minha filha Sabrina ser deficiente física (não possui o antebraço e escoliose idiopática). O meu filho Leonardo na época da adoção foi considerado normal, mas ao final do primeiro ano conosco observamos que poderia haver algum problema,e hoje já foi diagnosticado com atraso cognitivo e déficit de atenção.

Hoje após 8 anos, depois dos primeiro ano de adaptação, e bastante trabalho para cuidar da saúde de ambos, nos consideramos uma família normal, com alegrias e desafios como qualquer outra.

Realizamos nossos sonhos, eu e Ernani de sermos pais e Léo e Sabrina de serem filhos! Nossa família extensa aceitou super bem nossos filhos, e nos apoiaram e apoiam em nosso dia a dia.

Não tivemos problemas por ser uma adoção interracial e buscamos todas as terapias necessárias para o melhor desenvolvimentos deles. Atualmente Leonardo faz Terapia Ocupacional, fonoaudióloga e Sabrina Fisioterapia e psicologia, além de cirurgias anuais.

 

 

< Voltar